Unicef anuncia que 18 crianças palestinas morreram em menos de 24 h

Desde o início do conflito, pelo menos 146 crianças morreram em bombardeios vindos de Israel

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Criança palestina é atendida em Hospital Al-Shifa, na Cidade de Gaza
UNICEF / Eyad El Baba/Facebook/Divulgação
Criança palestina é atendida em Hospital Al-Shifa, na Cidade de Gaza
Nas últimas 24 horas, os bombardeios na Faixa de Gaza já mataram 18 crianças palestinas com faixa de idade igual ou menor à treze anos. Os números foram divulgados pela Unicef, órgão da ONU responsável pela proteção da infância.    Segundo os dados,  as crianças vítimas dos ataques incluem 97 meninos e 49 meninas com idade entre 5 meses e 17 anos de idade. Desde o início do conflito, pelo menos 146 crianças palestinas morreram em ataques vindos de Israel.   Os bombardeios seguem intensos ao longo das últimas semanas, com ataques aéreos, naval e terrestre, o . Entre os feridos, pelo menos 1.100 são crianças. De acordo com a Unicef, ao menos 85 escolas, em Gaza, foram danificadas devido as ofensivas de Israel.     O Escritório de Assuntos Humanitários da ONU descreveu como "devastadora" a situação para a população de Gaza. Do lado israelense, foram 29 mortes -- 27 militares e dois civis.