Soldado morre ao ser atingido acidentalmente por tiro de fuzil

Incidente aconteceu dentro do quartel, na última sexta-feira (18); confirmação foi feita pela assessoria da 4ª Brigada de Infantaria Leve

iG Minas Gerais | Gustavo Lameira |

Um tiro acidental matou o soldado do Exército em Juiz de Fora, na Zona da Mata Mineira. A confirmação foi feita pelo tenente-coronel Toni Fredman, chefe da comunicação 4ª Brigada de Infantaria Leve, nesta segunda-feira (21).

De acordo com o militar, as investigações tiveram início ainda na sexta-feira (18), quando aconteceu o incidente. Por volta das 7h, o suspeito de 19 anos estava na função de sentinela, quando, ao manusear o fuzil, aconteceu o disparo que atingiu e matou instantaneamente o colega, também de 19 anos, que chegava para assumir o trabalho. O nome da vítima não foi divulgado a pedido da família, e o do suspeito é mantido em sigilo.

A Polícia Civil e o Exército realizaram a perícia que confirmou o caso. O suspeito foi detido e levado para o 10º Batalhão de Infantaria  Leve.

O caso foi encaminhado à auditoria da 4ª Circunscrição de Justiça Militar.

Leia tudo sobre: morte. soldado ExércitoJuiz de Foratirofuzil