Pressionado, Ney Franco deve seguir no Flamengo até clássico

Técnico ainda não venceu desde que reassumiu o Rubro-Negro carioca e terá última chance domingo, contra o Botafogo

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Ney Franco também admitiu que não conseguiu alcançar seu objetivo com mudanças na equipe
Flamengo/Divulgação
Ney Franco também admitiu que não conseguiu alcançar seu objetivo com mudanças na equipe

Pressionado no cargo, o técnico do Flamengo, Ney Franco, deve seguir dirigindo o time pelo menos até o clássico de domingo, contra o Botafogo. Ainda sem vencer desde seu retorno ao comando do time, há sete jogos, o treinador terá sua última chance de mostrar serviço na partida que marcará a reabertura do Maracanã após a Copa do Mundo.

Mesmo após a goleada diante do Inter, no Beira-Rio, Ney Franco descartou a possibilidade de entregar o cargo. "Da minha parte, vou ser direto e nem vou me prolongar nisso: estou preparado para continuar à frente do clube", disse. "Meu pensamento com os jogadores no vestiário é de se reapresentar na terça-feira para continuarmos à frente do trabalho", destacou, ainda no estádio.

A chegada da delegação ao Rio de Janeiro, no fim da manhã de segunda-feira, foi marcada por tumulto no aeroporto do Galeão. Um grupo de torcedores com camisas do Flamengo foi ao aeroporto protestar contra Ney, o goleiro Felipe e o lateral André Santos - que não voltou com o grupo. Quinze seguranças do clube fizeram a proteção da equipe.

Leia tudo sobre: flamengotecniconey franco