André Santos faz desabafo e diz: 'Apanhei bastante'

Lateral-esquerdo exibiu preocupação com o risco que jogadores correm atualmente por causa da falta de segurança

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

André Santos teria atuado de forma irregular no Brasileirão
Reprodução/Facebook
André Santos teria atuado de forma irregular no Brasileirão

Agredido por torcedores do próprio Flamengo após a derrota por 4 a 0 para o Internacional, neste domingo, no Beira-Rio, André Santos fez um desabafo nesta segunda-feira pela manhã ao comentar o episódio de violência. Em entrevista à TV Globo, o lateral-esquerdo exibiu preocupação com o risco que jogadores correm atualmente por causa da falta de segurança e admitiu que "apanhou bastante".

O jogador, que atuou por Fenerbahçe e Arsenal após se destacar com a camisa do Corinthians, relatou que o cenário vivido pelos atletas é bem diferente do encontrado por ele no futebol europeu e lembrou que foi apenas mais um jogador vítima da violência no Brasil.

"Não podemos encarar com normalidade (as agressões). São diversos casos no nosso País, mas temos que ver isso com mais seriedade. Ontem foi comigo, mas pode acontecer com qualquer um" afirmou o jogador, para depois completar: "Vaia e xingamento nós jogadores sabemos que é normal. O futebol tem muita paixão. Sabemos que o torcedor vai para nos apoiar, mas fica chateado. Não queremos passar por essa situação, o Flamengo é um dos principais clubes do País".

Ao falar sobre a situação dramática vivida no último domingo, André Santos revelou que foi surpreendido com a ação dos torcedores ao tentar deixar o Beira-Rio em uma van, sem a companhia dos outros jogadores do elenco flamenguista. "Na hora que estava caminhando para van, eu não vi nenhum torcedor. Quando percebi a chegada de alguns deles, não tinha mais como voltar. Recebi chutes e socos. Protegi o rosto para não me machucar mais. Estava só com um segurança. Os policiais chegaram em seguida e me ajudaram bastante, mas até conseguir entrar na van eu apanhei bastante", relatou.

André Santos não voltou para o Rio junto com o elenco do Flamengo, cujo elenco terá folga nesta segunda-feira. Ele partiu no domingo para Florianópolis, onde foi se encontrar com familiares, e agora espera poder contar com o apoio dos torcedores flamenguistas na continuidade do Campeonato Brasileiro, no qual a sua equipe hoje amarga a lanterna, com apenas sete pontos em 11 jogos disputados.

"Nós, primeiramente, estamos tristes com o nosso momento no clube. Eu cheguei há menos de um ano, ganhei três títulos aqui, e hoje passamos um momento difícil. A gente precisa do torcedor, que ele nos incentive pra que a gente possa sair dessa fase. Espero que daqui para frente eles nos apoiem nesse momento que a gente tanto precisa", ressaltou o lateral.  

Leia tudo sobre: andré santosvanflamengotorcedoresbrigadomingorbasileirão