Túlio Lopes tem trajetória ligada ao movimento estudantil

Nome do PCB ao Palácio Tiradentes é o mais jovem na disputa deste ano

iG Minas Gerais | Da Redação |

Antigo militante do movimento estudantil, Túlio Lopes foi eleito para o Conselho Geral do Sind-UTE em 2012
Reprodução/Facebook
Antigo militante do movimento estudantil, Túlio Lopes foi eleito para o Conselho Geral do Sind-UTE em 2012
Túlio Cesar Dias Lopes, o candidato do Partido Comunista Brasileiro (PCB), é o mais jovem entre os postulantes ao Palácio Tiradentes. Ele nasceu em Belo Horizonte, no dia 8 de junho de 1982. Hoje professor universitário, o candidato tem sua trajetória política ligada o movimento estudantil. Em 2000, tornou-se coordenador do Grêmio Estudantil do Colégio Padre Eustáquio, onde estudava. No mesmo ano, passou a ser diretor da União Municipal dos Estudantes Secundaristas de Belo Horizonte (Umes). Já na academia, assumiu como diretor do Centro Acadêmico de História da Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop), em 2002. No ano seguinte, passou também a ser diretor do Diretório Central dos Estudantes (DCE) da Ufop. EM 2004, tornou-se também diretor da União Estadual dos Estudantes de Minas Gerais (Uemg). Além do movimento estudantil, Túlio Lopes também foi diretor da Associação dos Moradores do Bairro da Graça. Ele assumiu a função em 2009. Já professor, o agora candidato foi eleito para o Conselho Geral do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (Sind-UTE) em Minas Gerais. A visibilidade no cargo garantiu a escolha como nome do PCB ao governo de Minas nestas eleições de 2014.

Leia tudo sobre: eleiçãoeleiçõescandidatoscandidatotúlio lopestulio lopestuliobiografiatrajetóriagovernador2014pcbcomunista