Inter goleia em casa e afunda o Flamengo na lanterna

Equipe colorada não teve dificuldades para bater o lanterna da competição, neste domingo

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Embalado pela vitória, o Inter volta a entrar em campo no próximo sábado, às 21 horas, diante do Bahia, na Fonte Nova
Inter Oficial/reprodução
Embalado pela vitória, o Inter volta a entrar em campo no próximo sábado, às 21 horas, diante do Bahia, na Fonte Nova

No dia em que voltou a jogar no Beira-Rio, depois da Copa do Mundo, e em que homenageou seu sempre ídolo Fernandão, o Internacional venceu o Flamengo por 4 a 0 em ritmo de treino, neste domingo, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado aproximou o clube gaúcho da luta pelas primeiras posições, com 19 pontos, e manteve o clube carioca na lanterna do torneio nacional, com sete pontos. Antes do jogo, clube e torcida homenagearam Fernandão, capitão do time que venceu a Copa Libertadores e o Mundial de Clubes de 2006 morto em acidente de helicóptero no dia 7 de junho. Nas arquibancadas, os colorados exibiram máscaras com o rosto do ídolo e cantaram "Uh, Fernandão" como faziam no tempo em que o jogador defendia o clube. No telão, foram exibidas cenas dos grandes momentos do atacante com a camisa colorada. A viúva, Fernanda, entrou no campo com os filhos Enzo e Eloá e agradeceu afirmando que o reconhecimento enche a família de orgulho e paz. No jogo, o Internacional impôs seu ritmo sem muitas dificuldades. Aos 16 minutos, após cobrança de falta, D'Alessandro lançou na área, Juan escorou e Rafael Moura empurrou a bola para as redes, abrindo o placar. Para comemorar, foi ao banco de reservas e reverenciou uma camisa número nove, como a que Fernandão usava. Aos 46 minutos, Chicão foi expulso por carrinho perigoso em Wellington Silva dentro da área. D'Alessandro cobrou o pênalti com perfeição e ampliou, aos 48 minutos. Com um homem a mais e dois gols de vantagem, o Internacional encontrou mais facilidades ainda no segundo tempo e seguiu criando chances e ampliando o placar. Aos 12 minutos, D'Alessandro cruzou da direita e Fabrício, sozinho no lado esquerdo da área, acertou um chute no contrapé do goleiro Felipe para marcar o terceiro.  Aos 33, Fabrício lançou da esquerda e Alex, em alta velocidade desviou a bola para as redes, fechando o placar. O goleiro Dida, do Internacional, não teve trabalho durante todo o jogo, limitando-se a algumas intervenções e reposições de bola na goleada aplicada pelo Inter.  Embalado pela fácil vitória, o Inter volta a entrar em campo no próximo sábado, às 21 horas, diante do Bahia, na Fonte Nova, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. Já o Flamengo vai tentar se reabilitar diante do rival Botafogo, no domingo, às 18h30, no Maracanã.  FICHA TÉCNICA INTERNACIONAL 4 x 0 FLAMENGO INTERNACIONAL - Dida; Wellington Silva (Cláudio Winck), Paulão, Juan e Fabrício; Willians, Wellington, Aránguiz (Luque) (Alex), Alan Patrick e D'Alessandro; Rafael Moura. Técnico: Abel Braga. FLAMENGO - Felipe; Léo Moura, Chicão, Wallace e André Santos; Amaral (Negueba), Recife, Márcio Araújo e Lucas Mugni; Nixon (Fernando) e Alecsandro (Luiz Antônio). Técnico: Ney Franco. GOLS - Rafael Moura aos 16 e D'Alessandro aos 48 minutos do 1º tempo; Fabrício aos 12 e Alex aos 33 minutos do 2º tempo. ÁRBITRO - Sandro Meira Ricci (Fifa/PE). EXPULSÃO - Chicão (Flamengo). CARTÕES AMARELOS - Amaral (Flamengo) PÚBLICO E RENDA - Não disponíveis.  LOCAL - Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS).

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave