A hora das pintinhas

Atenção pimentinhas: Está decretado que esconder a sardas está fora de moda!

iG Minas Gerais | Lorena K. Martins |

As charmosas sardas de Carol Trentini são um dos destaques nos seus trabalhos de moda
MARCELO SOUBHIA
As charmosas sardas de Carol Trentini são um dos destaques nos seus trabalhos de moda

Não é só o fashion que vive de idas e voltas. A beleza também adora pregar suas peças. O batom vermelho, por exemplo, já foi chamado de “cafona”, quem se lembra? Hoje, exibir as sardas, sejam de nascença ou aquelas adquiridas com o sol, está na ordem do dia. As passarelas estão de prova. Nos backstages nacionais e internacionais, o que se vê são peles cada vez mais naturais e com poucas camadas de produtos, o que deu a tops como Carol Trentini e Cintia Dicker a chance de exibirem suas pintinhas assim, bem naturais.

Mas não para por aí. Na onda do “menos é mais” na beleza, sardentas de nascença como Emma Stone e Julianne Moore resolveram assumir suas marquinhas até mesmo nos red carpets. Durante alguns desfiles da semana de alta-costura de Paris, no fim de junho, Emma Watson surgiu com a pele natural e com sardas, que antes eram cobertas por camadas bem caprichadas de base. Investiu em um batom colorido e rímel, o que valorizou ainda mais a beleza das pintas.

De acordo com o beauty artist do Spa Bella Donna, Washington Rodrigues, sardas fazem parte da beleza e vale, sim, assumi-las. “É indicado fazer uma cobertura da pele com uma base bem fina e cobrir as olheiras com um corretivo. As maquiagens minerais, que têm o aspecto bem leve e são bem fininhas, são as mais indicadas para peles sensíveis como essa e não deixam aquela textura pesada”, explica.

Feitas em casa

Se é a vez então de deixar as sardas à mostra, não custa apelar para as maravilhas que só a maquiagem pode trazer. A atriz Olivia Wilde confessou certa vez que um de seus truques de beleza era fazer sardas falsas. Na mesma onda, a Topshop lançou na semana passada o Freckle Pencil, um lápis que simula as pintinhas a partir de batidinhas bem leves no rosto.

Sardas fakes é um dos truques usados por Washington Rodrigues na hora do make e já foram usadas também em um dos editoriais assinados por ele para o Pandora. É por isso que, para recriar o visual pimentinha, vale tudo. “É interessante que a pele seja clara, que assim dá para reproduzir com lápis ou base um tom marrom médio, na parte central do rosto, entre o nariz e as bochechas, fica bem fofo. Só é necessário criar as pintas depois de ter passada o blush, para não correr o risco de manchar e perder toda a maquiagem”, ensina. 

Truque dado, é hora de se inspirar nas famosas que trazem as sardas de volta ao foco do make.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave