Lotus renova contrato e confirma Maldonado em 2015

O futuro do francês Romain Grosjean, atual parceiro do sul-americano, ainda não foi definido

iG Minas Gerais | Agência estado |

Associated Press
undefined

Longe de repetir neste ano o grande desempenho de 2013, a Lotus já começa a planejar a próxima temporada. E, neste sábado, confirmou a permanência do venezuelano Pastor Maldonado para o Mundial de Fórmula 1 de 2015. O futuro do francês Romain Grosjean, atual parceiro do sul-americano, ainda não foi definido.

"Eu posso confirmar 50% da nossa próxima dupla de pilotos, com Pastor garantido para o próximo ano", disse Gerard Lopez, chefe de equipe da Lotus. O dirigente não deu detalhes sobre a renovação de contrato do piloto, um dos mais polêmicos da categoria, por conta de suas manobras arriscadas.

Campeão da GP2 em 2010, Maldonado chegou à Fórmula 1 no ano seguinte e se tornou o primeiro piloto da Venezuela a vencer uma corrida na categoria em 2012, pela Williams, na Espanha. Ele defendeu a equipe britânica também em 2013, mas no fim do ano se transferiu para a Lotus - foi substituído pelo brasileiro Felipe Massa na Williams.

A troca parecia um salto na carreira do piloto, em razão do grande desempenho da Lotus em 2013. Com Kimi Raikkonen liderando o time, a equipe foi a quarta colocada no Mundial de Construtores. No entanto, a Lotus sofreu com as mudanças técnicas implementadas na F1 neste ano e foi a equipe que mais teve dificuldade de se adaptar ao novo regulamento, entre aquelas que se destacaram em 2013.

No Mundial deste ano, a Lotus somou apenas oito pontos e ocupa somente a oitava colocação no campeonato de construtores. "Apesar das dificuldades que estamos tendo nesta temporada, Pastor reconhece nosso verdadeiro potencial e nós reconhecemos seu potencial como piloto. E vamos conquistar grandes coisas juntos", afirmou Gerard Lopez.

Nenhum dos oito pontos conquistados pela equipe neste ano foi obtido por Maldonado, que é o 19º e antepenúltimo colocado no Mundial de Pilotos. Grosjean vem sendo melhor e ocupa o 14º lugar geral. Mesmo assim, o piloto francês ainda não tem assegurada sua permanência no time para 2015.

Leia tudo sobre: maldonadof1