Minas Gerais já tem 19 candidatos ficha-suja

iG Minas Gerais |

A Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) em Minas incluiu ontem mais dois candidatos a deputado federal na lista de impugnados pela Lei da Ficha Limpa. O ex-prefeito de Uberaba Anderson Adauto (PRB) e o empresário Paulo Orlando Rodrigues (PTdoB) foram considerados inelegíveis, se juntando a outros 17 casos de ficha-suja. O primeiro foi condenado por improbidade administrativa em órgão colegiado, enquanto Paulo Maloca foi condenado criminalmente, tendo seus direitos políticos suspensos até 2017.

A PRE impugnou outros 25 registros para as eleições deste ano, chegando a 1.168 questionamentos de registros de candidatura.

Das novas impugnações, 12 se somam às 853 por falta de documentos exigidos pela legislação. Outros 13 pedidos se juntam aos 289 impugnados por falta de condição de elegibilidade. (IL/LA)

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave