Após duplicação de rodovia, protesto pede intalação de passarela

Durante manifestação de moradores, MG-050 foi interditada nos dois sentidos; Polícia Militar Rodoviária (PMRv), chegou a registrar mais de 5 Km de congestionamento em cada sentido

iG Minas Gerais | CAMILA KIFER |

Moradores de dois bairros de Itaúna, no Centro-Oeste do Estado, interditaram os dois sentidos da MG-050 na noite desta sexta-feira (18). No momento do protesto, cerca de 100 pessoas reivindicavam a instalação de uma passarela no trecho. A Polícia Militar Rodoviária (PMRv), chegou a registrar mais de 5 Km de congestionamento em cada sentido, durante mais de 2h de manifestação. 

Conforme informações do cabo Lucimar Faria da 5 Ciaª da Polícia Militar (PM), a solicitação da instalação da estrutura para transitar de um lado ao outro da rodovia começou após a duplicação da via. “Durante as obras, a concessionária que gerência o trecho construiu uma mureta entre as pistas. Sendo assim, os moradores foram impedidos de transitar pela MG”, declarou.

Os manifestantes, que são moradores dos bairros Jardim Marinho e Antunes, cada um localizado de um lado da rodovia, começaram a se aglomerar no trecho, por volta de 18h. Para interromper o trânsito nos dois sentidos, objetos foram queimados na pista. Unidades do Corpo de Bombeiros foram acionadas para apagar as chamas. O ato só terminou às 20h30 desta sexta.

A concessionária que gerencia o trecho não foi encontrada pela reportagem para falar sobre o assunto.  

Leia tudo sobre: Protesto