Queda de voo MH17 não foi acidente, diz Joe Biden

Vice-presidente dos Estados Unidos afirmou na tarde desta quinta-feira (17) que a aeronave foi "alvejada no céu"

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

A woman with a child walks past the crash site of a passenger plane near the village of Grabovo, Ukraine, Thursday, July 17, 2014. Ukraine said a passenger plane carrying 295 people was shot down Thursday as it flew over the country, and both the government and the pro-Russia separatists fighting in the region denied any responsibility for downing the plane. (AP Photo/Dmitry Lovetsky)
Associated Press
A woman with a child walks past the crash site of a passenger plane near the village of Grabovo, Ukraine, Thursday, July 17, 2014. Ukraine said a passenger plane carrying 295 people was shot down Thursday as it flew over the country, and both the government and the pro-Russia separatists fighting in the region denied any responsibility for downing the plane. (AP Photo/Dmitry Lovetsky)

O vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, disse que a queda do voo MH17 da Malaysia Airlines na Ucrânia "não foi um acidente" e afirmou que a aeronave foi "alvejada no céu".

A declaração foi a mais incisiva de uma autoridade norte-americana a respeito do assunto até agora. Funcionários de inteligência dos EUA declararam anonimamente mais cedo que acreditam que um míssil terra-ar teria derrubado o avião.

No entanto, os funcionários não afirmaram de que lado teria partido o míssil, mas que a avaliação inicial deles é de que teria partido ou da Rússia ou de campos dos separatistas pró-russos. Os rebeldes negam a acusação.

Com um tom bem mais ameno que seu vice, o presidente Barack Obama não fez menção de quem poderia ser responsável pela queda do avião e chamou o incidente de uma "terrível tragédia".

Após o acidente, a Administração Federal de Aviação disse que as companhias aéreas dos EUA voluntariamente concordaram em não operar perto da fronteira entre Ucrânia Rússia. A agência disse que estava monitorando a situação para determinar se alguma orientação adicional era necessária. Fonte: Associated Press.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave