Concorrência elevada não intimida Cruzeiro em busca do tetra

Responsabilidade de defender a condição de campeão eleva o nível de atenção dos comandados de Marcelo Oliveira

iG Minas Gerais | JOSIAS PEREIRA E BRUNO TRINDADE |

Cruzeiro terá concorrência pesada em busca de mais um título nacional
Washington Alves/Light Press
Cruzeiro terá concorrência pesada em busca de mais um título nacional

Um novo Campeonato Brasileiro se inicia. A parada para a Copa do Mundo provocou uma corrida no mercado. Em busca de suprir carências técnicas, alguns clubes não pouparam esforços para preencher suas fileiras e retomarem o posto de candidatas ao título nacional. Campeão brasileiro de forma incontestável na última temporada, o Cruzeiro está atento à movimentação provocada por clubes como São Paulo, Fluminense, Corinthians, Grêmio e etc. A concorrência tende a ser elevada, mas o grupo celeste está preparado.

“Foi muito tempo parado sem jogos do Brasileiro, acredito que seja um recomeço. As outras equipes também se fortaleceram, hoje praticamente todos os times se conhecem, equipes treinaram, cresceram tecnicamente, arrumaram a casa”, avalia o zagueiro Léo.

“Tivemos um período bom de preparação, disputamos alguns amistosos que serviram para nós entrarmos no ritmo, para poder trabalhar tática e tecnicamente”, completou o defensor.

Com a disputa acirrada pelo título, os celestes estão em estado de alerta. A responsabilidade de defender a condição de campeão eleva o nível de atenção dos comandados de Marcelo Oliveira. Para a sequência da temporada, equipes chegaram a contratar nada menos que meio time.

“Não só o São Paulo como outros clubes também reforçaram, este ano acredito que vai ser mais disputado. Os grandes clubes estão brigando lá em cima na tabela, a gente teve oportunidade de assumir a liderança e esperamos manter assim depois da Copa, não dar brecha até porque todos virão embalados”, destacou o volante Lucas Silva.

Mas se, por um lado, os concorrentes se fortaleceram, a Raposa também foi em busca de reforços. Marquinhos, Neilton e Manoel chegaram com a corda toda e já receberam elogios dos companheiros.

“A galera é muito boa de serviço, excelentes pessoas e já deu para ver que chegaram e chegaram muito bem, fortalecendo o grupo. Sem dúvida, eles vão mostrar para a torcida que tem condições de jogar no Cruzeiro e ter o reconhecimento de todos”, concluiu Lucas Silva.