Brasileiros apoiaram mais a Copa, revela pesquisa do Ibope

Por outro lado, apesar de satisfeitos com o evento, boa parte dos entrevistados acreditam que o ainda sim o país herdará mais prejuízos do que benefícios

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Após o final da Copa no Brasil, uma pesquisa realizada pelo Ibope revelou um crescimento dentre aqueles que se consideravam favoráveis ao acontecimento do evento. Em contrapartida, dentro de campo, os dados mostraram que 78% dos brasileiros sentiram-se decepcionados com a seleção. A eliminação do mundial depois da derrota de 7 a 1 para a Alemanha pode ter sido o fator determinante que motivou o sentimento de frustração.

A pesquisa constatou no dia 15 de julho, dois dias depois da Alemanha conquistar a taça,  que 66% dos entrevistados apoiavam a realização da Copa no país. No dia 10 de junho, os dados eram de 54% a favor do evento. Com isso, houve um crescimento de 12 pontos percentuais. O Ibope realizou por telefone.

Por outro lado, apesar de satisfeitos com a Copa, boa parte dos entrevistados acreditam que o ainda sim o país herdará mais prejuízos do que benefícios. Em junho, 32% das pessoas estavam confiantes com os bons resultados com o fim do mundial, esses dados baixaram para 31% um mês depois. Já 55% dos entrevistados continuam considerando que a Copa não trará benefícios. Em comparação com o mês anterior, quando foi registrado o percentual de 60%, os dados mantiveram-se elevados.

De 23%, registrado em junho, subiu para 35% o percentual de pessoas que constataram com mais relevância o incentivo ao turismo depois do Mundial 2014. Mas, a expectativa sobre a geração de empregos diminuiu de 35% para 19% dos entrevistados, de acordo com a pesquisa encomendada pela Secretaria de Comunicação (Secom) da Presidência da República.