Centro reabre com atividades e projetos regulares

iG Minas Gerais | Vinícius Lacerda |

O artista Rogério Fernandes faz uma intervenção no prédio do Crav
Uarlen Valério
O artista Rogério Fernandes faz uma intervenção no prédio do Crav

Para celebrar a reabertura das portas do Centro de Referência Audiovisual (Crav), foram preparadas diversas atividades culturais, que integram a segunda edição do Noturno dos Museus, evento promovido para Fundação Municipal de Cultura (FMC), na próxima sexta, em que museus e espaços culturais ficam aberto até meia-noite.

Os visitantes que passarem no Crav poderão participar de quatro atividades distintas. Entre elas, a exposição “Tony Vieira: Um Cineasta Mineiro” que, por meio de documentos, fotografias, roteiros e revistas conta a história do diretor e ator que começou sua carreira em Contagem. “Ele fez muito sucesso nos anos 1990, teve seus trabalhos censurados durante a ditadura militar brasileira e produziu filmes populares. Mas o que mais chama atenção em sua trajetória foi a capacidade dele de fazer filmes num período em que não existia nenhum tipo lei de incentivo”, comenta o responsável pela mostra e funcionário do Crav, Victor Louvisi.

Infelizmente, não haverá nenhuma exibição de seus filmes, que seguiam, em sua maioria, os gêneros de pornochanchada e policial.

No mesmo passeio pelo centro, será possível ver também uma nova obra do artista plástico Rogério Fernandes, localizada no fundo do casarão, ao lado do local onde serão exibidos alguns curtas-metragens, documentários e cinejornais. Para finalizar, às 19h30, será encenado o espetáculo teatral “Outras Pessoas Ser ou Não Ser”, com Luciano Luppi.

Projetos. Com a casa devidamente arrumada, os projetos do Crav também voltam a ganhar mais atenção. “Criamos projetos sociais e educacionais associados a mostras de filmes”, resume o gestor do centro, Gilvan Rodrigues.

Os mais recentes são o Crav no Centros Culturais, que a exibe nesses espaços geridos pela prefeitura filmes, alguns inclusive realizados com o beneficio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura, e o Sessão Vídeo Comentado na República Reviver. “Este é um projeto bem legal que levamos filmes e também ensinamos sobre o cinema a grupos de risco social. É um trabalho que promove a reflexão sobre a sociedade e também ajuda com autoestima e a identidade”, diz Rodrigues.

Mas o que aparenta ser a “menina dos olhos” do centro é a Mostra Internacional Crav. A atividade envolve exibição de filmes internacionais como forma de aproximar os cidadãos mineiros a produções audiovisuais. “Já realizamos de cinema iraniano, argentino e espanhol e foi um sucesso”, conta Rodrigues.

Completam os programas atuais o Crav ao Ar Livre, o CinePop, e os educacionais Crav Vai à Escola e Visita Técnica.

Programação

Confira os filmes que serão exibidos nesta sexta-feira, entre 21h e 22h30, no Crav.

– “Tapera Revolvida”

– “BH Anos 20”

– “Igino Bonfioli: Aqui e Acolá em Terra Mineira”

– “Fragmentos de Aristides Junqueira”

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave