A voz da Massa

iG Minas Gerais |

Saudações alvinegras! Já que a onda agora é torcer contra os hermanos, mais do que nunca o Galão da Massa é o Brasil hoje contra o Lanús, na decisão da Recopa Sul-Americana. Certo? Nesses últimos dias, por força dos acontecimentos da Copa do Mundo, a rivalidade entre Brasil e Argentina tornou-se ainda mais acirrada, e por isso mesmo eu imagino que o confronto de hoje será uma autêntica batalha campal, pois ambos os times deverão querer lavar a alma do seu país em cima do rival clássico. O Galo teve bastante tempo para se preparar para essa decisão, e, o melhor, está com o time quase completo. Agora é esperar que o nosso time faça uma boa partida, jogue com inteligência, sabendo que tem a volta no Mineirão, e coloque alma e coração em campo para que volte da Argentina com um ótimo resultado na bagagem.    A voz Celeste

Depois do vexame da seleção brasileira, voltamos à vida real, e de cara temos o Vitória, amanhã, para manter a liderança do Campeonato Brasileiro. Na intertemporada, o Cruzeiro fez cinco amistosos e venceu todos, jogando bem. A principal virtude do campeão brasileiro é mostrar a variação tática. Para isso, Marcelo Oliveira tem um elenco que há muito tempo venho falando que é o melhor do Brasil. De volta ao Brasileirão e sabendo que somos o time a ser batido, temos obrigação de vencer o Vitória. No Mineirão e jogando contra um adversário cujo único objetivo é se manter na primeira divisão, não podemos perder ponto. Com certeza, a torcida, que está com saudades, vai lotar as arquibancadas e incentivar do começo ao fim. Abraços ao amigo de tantas jornadas e grande cruzeirense Samuel Rosa.  Avacoelhada Evandro Guimarães é o atual coordenador da base. Ex-júnior do Coelhãozinho, ele não foi aproveitado diretamente no profissional. Jogou no Valério durante a transição, para depois retornar ao time principal americano. Edney, Denis, Wellington Paulo, William, Bruno Maia, Ramon e Bruno Mineiro também não tiveram oportunidades reais quando subiram. Neste ano, Anderson e Lula, campeões brasileiros sub-20, foram dispensados. Marquinhos, João Vitor, Luis Felipe, Ygor e Vitinho estão emprestados para disputar a terceira divisão do Mineiro. Assis está no Atibaia. Os promissores Bruno, China e Kaio estão sem jogar. Apesar de o América ser considerado clube formador, também deixa de aproveitar vários pratas da casa com potencial. Falta criar uma comissão técnica para aprimorar o talento dos sub-23.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave