Belo Horizonte terá rota especial para alemães após 7 a 1

Maior derrota da seleção brasileira deve virar um "templo" para torcedores da Alemanha, que já deixaram a intenção mineira com a intenção de voltar

iG Minas Gerais | DÉBORA FERREIRA |

Além de tudo, Klose marcou o seu e se tornou o maior artilheiro da história das Copas
LÉO FONTES/O TEMPO
Além de tudo, Klose marcou o seu e se tornou o maior artilheiro da história das Copas

O gosto amargo da maior goleada sofrida pela seleção brasileira aconteceu justo no Mineirão. O estádio escreveu seu nome na história do Brasil e da Alemanha ao ter recebido o 7 a 1. A maior prova é de que, segundo Tiago Lacerda, o interesse dos turistas germânicos sobre a capital mineira cresceu. Ciente disso, o Governo planeja uma circuito turístico especial para os europeus, que prometem voltar.

“Claro que a gente não queria que o Brasil perdesse a Copa do Mundo, e acabamos marcados pela derrota de 7 a 1 para a Alemanha no Mineirão. No entanto, vamos criar um roteiro turístico específico para os alemães, para que eles venham e conheçam o palco da partida que representa muito para eles”, contou Lacerda.

Em pesquisa feita pela Secretaria de Estado de Turismo e Esportes (Setes), constatou-se que a intenção de diversos turistas é retornar a Belo Horizonte. E para tornar ainda mais atrativo o local, a ideia é criar uma rota do Mineirão aos pontos turísticos da cidade, especial para aqueles vindos da Alemanha.

“Recebemos um jogo histórico aqui. (A ideia é) Vender um roteiro com opções, muitos vão querer conhecer a cidade, inclusive os que vieram, como a própria pesquisa mostra, recomendam que outros venham. Então o roteiro fazemos desde o local principal do fato, que é o Mineirão e que já tem um museu com visitação, mas também aproveitar para levá-los a conhecer o entorno, a cidade”, explicou.