Moradores fecham terminal de passageiros de Sarzedo em protesto

Usuários do transporte público reclama da inauguração de um novo sistema no local que faz com que ir até o centro de Belo Horizonte custe quase R$ 10 a moradores de Sarzedo, Mário Campos e Brumadinho

iG Minas Gerais | JULIANA BAETA |

Ônibus estão sendo impedidos de entrar ou sair do terminal
CARLOS PEREIRA/ WEB REPÓRTER
Ônibus estão sendo impedidos de entrar ou sair do terminal

O terminal de ônibus de Sarzedo, na região metropolitana de Belo Horizonte, está fechado desde a manhã desta terça-feira (15) sem previsão de liberação. O motivo é que, com a mudança do sistema de transporte público na cidade, os usuários do serviço têm que gastar quase R$ 10 só para chegar ao centro de Belo Horizonte.

Mais de 50 moradores da cidade fecham o terminal na MG-040, que atende também as populações de Mario Campos e Brumadinho. Os ônibus estão impedidos de entrar ou sair da estação.

“No começo do ano foi inaugurado o terminal e agora a empresa responsável colocou como obrigação o uso do cartão Ótimo para pagar a passagem. Quem não tem o cartão, tem que pagar R$ 4 em dinheiro, mais a passagem do metrô, mais a passagem para chegar ao centro da capital”, disse o usuário Carlos Pereira, 37.

Além disso, o morador também informou que a promessa era que o cartão Ótimo seria distribuído gratuitamente para a população. “Mas isso não está ocorrendo. Além disso, quem tem o cartão paga mais barato pelo metrô, mas essa informação não é passada aos usuários nas estações, e eles acabam pagando mais caro mesmo tendo o cartão. Estão agindo de má-fé com a população”, disse.

Antes da implantação do novo sistema, bastava pegar o ônibus de Brumadinho e ir direto à BH, sem a necessidade de passar pelo terminal de Sarzedo. Agora, além de mais caras, as viagens também são mais longas.

A liberação do terminal só ocorrerá após negociação com a prefeitura de Sarzedo, mas, segundo os moradores, o prefeito da cidade ainda não sinalizou nenhum acordou, nem compareceu às reuniões.

Além disso, a prefeitura acionou a Polícia Militar, que está no local e acompanha a manifestação que, até o momento, segue pacífica. O vereador Alexandre do Betuel, de Sarzedo, também está no local e conversa com os manifestantes.

Resposta da prefeitura

O prefeito de Sarzedo não foi encontrado para comentar o caso, mas a assessoria da prefeitura informou que o problema já está sendo resolvido, e que uma nova reunião deve acontecer nesta quarta-feira (16) junto a Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas (Setop).

A última atualização oficial da prefeitura sobre o assunto, no entanto, aconteceu por meio de seu site oficial no último dia 10, quando foi divulgada a seguinte nota:

“Os prefeitos das cidades de Sarzedo (Werther Rezende), Mário Campos (Elson da Silva Santos) e Brumadinho (Antônio Brandão) participaram de reunião com secretário de Estado de Transportes e Obras Públicas-Setop, Fabrício Torres Sampaio e o presidente do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros Metropolitano (Sintram), Rubens Lessa Carvalho, com o objetivo de propor e buscar soluções para os problemas surgidos após a implantação do Terminal de Passageiros em Sarzedo, sob a responsabilidade do Governo do Estado e que tinha a proposta de melhoria para o transporte coletivo. A reunião aconteceu no dia 09 de julho na Cidade Administrativa - sede do Governo de Minas.

Saiba o que ficou definido, após a reunião:

Sarzedo e Mário Campos (bairros Tangará e Bela Vista).

- O valor da tarifa que hoje é de R4 5,50 voltará ao valor anterior R$ 4,05, a partir de sexta-feira (11). - O Cartão Ótimo será distribuído gratuitamente, até o dia 30 de julho e poderá ser retirado no Terminal Rodoviário. - No prazo de 15 dias, serão instaladas catracas para que a cobrança da passagem seja feita antes do embarque, possibilitando a entrada nos ônibus pela porta de trás.

Brumadinho e Mário Campos:

- Haverá a reativação da linha Brumadinho/Betim via 381, a partir da próxima segunda-feira dia 14/07, nos mesmos horários;

Mário Campos:

- Será elaborado um estudo para criação de linha Mario Campos/Terminal Sarzedo, com um valor menor que o praticado atualmente, que é de R$ 4,00. Proporcionando uma linha com um valor total intermediário, entre o valor das cidades de Sarzedo e Brumadinho."

Resposta da Setop

Por meio de nota, a Setop informou que “o Terminal Metropolitano de Transportes, construído em Sarzedo, tem a finalidade de atender aos passageiros com destino a Belo Horizonte e Betim, provenientes dos municípios de Brumadinho, Mário Campos e Sarzedo. As linhas oriundas destes municípios passam a ser alimentadoras do terminal onde os passageiros realizam o transporte para seus destinos através de linhas troncais.

Como é normal em qualquer mudança, houve reclamações diversas de usuários nos dias iniciais de funcionamento do terminal. Em consequência, os prefeitos de Brumadinho, Mário Campos e Sarzedo, reunidos na Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas (Setop), com a presença da empresa concessionária de ônibus, trouxeram as reivindicações e todas elas foram atendidas. Os preços das passagens para Belo Horizonte, pagos pelos passageiros de Brumadinho, Mário Campos e Sarzedo, foram reduzidos de R$ 6,45 para R$ 5,50. Da mesma forma, os preços das passagens entre os municípios de Brumadinho, Mário Campos e Sarzedo foram reduzidos de R$ 6,45 para R$ 4,00. Os usuários de transporte coletivo internos ao município de Sarzedo foram beneficiados com a redução da passagem de R$ 4,00 para R$ 2,30. No aspecto mobilidade, foram criadas opções de destino acessíveis a todos os usuários do terminal. Para Belo Horizonte, via avenida Amazonas (direta e paradora) e pela avenida Tereza Cristina (direta até a avenida Amazonas, a partir da qual passa a parar nos pontos de desembarque). Para Betim, Carrefour/Makro e Barreiro foram criadas linhas a partir do terminal e também com destino à Estação Eldorado do metrô, com integração tarifária. Para usufruir das diversas opções com integração das tarifas, é indispensável o uso do cartão de integração “Ótimo”. O custo deste cartão não é cobrado, mas para ser utilizado é preciso carrega-lo com, pelo menos, o valor de uma passagem. A operação do terminal é monitorada para que os horários das linhas alimentadoras sejam o mais sincronizado possível com a saída das linhas troncais. Para evitar intermediários com os usuários, a Setop realizará, no mês de agosto, pesquisa de satisfação para facilitar quaisquer providências de ajustes necessários ao melhor funcionamento do terminal, de acordo com as solicitações da coletividade.”

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave