Cerca de 95% dos turistas que vieram para a Copa querem voltar

Foram ouvidos até o momento 6,6 mil turistas em aeroportos e fronteiras terrestres - o levantamento continua até o dia 23 de julho

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

A Copa do Mundo atraiu para o Brasil turistas de 203 nacionalidades, a maioria deles (61%) nunca havia estado no País. As informações fazem parte de um balanço elaborado pelo Ministério do Turismo, em pesquisa na qual 92,3% afirmaram que vieram ao País em função da Copa e 95% declararam intenção de retornar.

Foram ouvidos até o momento 6,6 mil turistas em aeroportos e fronteiras terrestres - o levantamento continua até o dia 23 de julho. O tempo de permanência média no País do turistas estrangeiros foi 13 dias, passando por 378 cidades.

Os brasileiros que circularam pelo País durante a Copa foi superior a 3 milhões, sendo São Paulo o principal Estado emissor de turistas nacionais, como 858.825, seguido por Rio de Janeiro (260.527) e Minas Gerais (220.021).

O Ministério também informou que a hospitalidade e a gastronomia foram os itens mais bem avaliados pelos estrangeiros, com 98% e 93%, respectivamente. A pesquisa ouviu também a opinião da imprensa internacional, que apontou como item mais bem avaliado os atrativos turísticos brasileiros (98,4% de aprovação), além da vida noturna e informações turísticas (96,2%).

Aeroportos

A movimentação nos 21 aeroportos que atenderam demandas da Copa do Mundo de Futebol foi de 16,7 milhões de passageiros, entre 10 de junho e 13 de julho, de acordo com a Secretaria de Aviação Civil. O aeroporto que mais recebeu passageiros (3,81 milhões) foi o de Guarulhos, em São Paulo. Já o aeroporto do Galeão registrou no período 1,8 milhão de passageiros. A lista apresentada pela SAC segue com Brasília (1,66 milhão), Congonhas (1,31 milhão) e Confins (1,1 milhão). O balanço também revela que o índice médio de atrasos acima de 30 minutos foi de 7,03%.  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave