Valdivia está muito próximo de sair, afirma técnico do Palmeiras

Clube alviverde recebeu uma proposta do Al Fujairah, dos Emirados Árabes, de 5,5 milhões de euros, e deve ser negociado

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Volta de Valdivia é um dos trunfos do Palmeiras para vencer o jogo desta terça-feira
Reprodução/Facebook
Volta de Valdivia é um dos trunfos do Palmeiras para vencer o jogo desta terça-feira

Valdivia não deve trabalhar com o técnico Ricardo Gareca no Palmeiras. Quem fez a afirmação foi o próprio treinador, em entrevista concedida nesta segunda (14).

"Pelo que sei, o Valdivia está bem próximo de sair. O presidente [Paulo Nobre] e o Maurício [Galiotte, vice-presidente] me informaram que ele tem uma proposta e deve ser negociado", disse.

O Palmeiras recebeu uma proposta do Al Fujairah, dos Emirados Árabes, de 5,5 milhões de euros (aproximadamente R$ 16 milhões).

Deste valor, 54% ficariam com o Palmeiras, 36% iriam para o conselheiro Osório Furlan. O atleta deve abrir mão dos 10% a que teria direito para arcar com a multa existente em cláusula contratual.

O Al Ain, ex-clube do jogador, estipulou valor de R$ 2 milhões em multa caso Valdivia fosse negociado com outro clube do Oriente Médio.

"Se o Valdivia sair, não há nada que eu possa fazer. Eu terei de me ocupar dos jogadores que vão ficar aqui", disse o técnico, lacônico.

Leia tudo sobre: valdiviapalmeirasalviverdesaídanegociaçãooriente médioosório furlan