Homem tem parada cardíaca e morre após bombeiros tentarem reanimação

Senhor de aproximadamente 50 anos não portava documentos e caiu no cruzamento da avenida do Contorno com a rua Gonçalves Dias

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

Depois de um homem de cerca de 50 anos sofrer uma parada cardíaca no meio da rua, o Corpo de Bombeiros tentou reanimá-lo por cerca de uma hora, porém, a vítima acabou não resistindo e faleceu no local, na esquina da avenida do Contorno com a rua Gonçalves Dias, no Barro Preto, na região central de Belo Horizonte. 

Segundo as informações iniciais dos bombeiros, a corporação foi acionada por volta das 12h por pessoas que viram ele caindo em via pública ao passarem pelo local e tentaram ajudá-lo. A viatura chegou rapidamente e iniciou os trabalhos de reanimação, sendo que uma viatura do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) se deslocou para dar apoio aos militares.

Após um longo tempo tentando salvar a vítima, que não portava qualquer documento, médicos do Samu constataram a morte do senhor. O corpo será removido pelo rabecão ao Instituto Médico-Legal (IML) de Belo Horizonte onde aguardará o reconhecimento de familiares. Somente a necrópsia poderá precisar o que causou a parada cardíaca no homem.