Sabella lamenta perda do título, mas valoriza empenho dos hermanos

Técnico argentino tentou esconder o semblante triste para exaltar a vontade de seus comandados nesta Copa

iG Minas Gerais | THIAGO NOGUEIRA |

Rio de Janeiro (RJ). “Argentina, diga-nos o que sente ao perder a final na casa do ‘papá’?” Da brincadeira com os brasileiros, ao gosto amargo da perda do título mundial. A canção que embalou os hermanos na Copa no Brasil foi uma das perguntas feita para o técnico Alejandro Sabella.

Com um semblante sério e triste, o treinador, pelo menos, quebrou o gelo e abriu um pequeno sorriso. Para ele, o sentimento é dúbio.

“O sentimento é duplo, pela frustração de não ter conseguido alcançar o sonho e o sentimento de dever cumprido. O time conseguiu o seu dever, deu o seu 100%”, ponderou o treinador.

Sabella evitou falar de seu futuro na seleção argentina. Ele, no entanto, acredita que seu time será muito bem recebido na volta para a casa. Afinal, a bicampeã Argentina não disputava um título mundial há 24 anos.

No fim da entrevista coletiva, o treinador foi aplaudido pela imprensa de seu país e cumprimentado por alguns, prova que o trabalho foi bem reconhecido por lá.

Leia tudo sobre: SabellaAlemanhaArgentina