Presos colocam fogo em colchões no Presídio de Vespasiano

Ainda não se sabe o que causou o tumulto; policiais militares e os bombeiros foram acionados

iG Minas Gerais | Natália Oliveira |

Presos queimaram colchões na tarde deste domingo (13) no Presídio de Vespasiano, na região metropolitana da capital. O motivo da revolta dos detentos ainda é desconhecido. O Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar foram acionadas para conter os detentos e o incêndio.

Policiais militares do 36º Batalhão, que atendem a região ajudaram os agentes penitenciários a conter o tumulto. O Corpo de Bombeiros também foi acionado, mas não precisou apagar o fogo que foi contido pelos agentes penitenciários. Eles fizeram trabalhos apenas com os rescaldos. 

Por meio de nota, a Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds), informou que o tumulto começou por volta de 17h30 e que “após o termino do horário de visitas, durante revista de rotina antes da entrada nas celas, foi identificado um aparelho celular com um dos presos. Após esse trabalho de interceptação, outros detentos colocaram fogo em dois colchões”.

Ainda segundo a nota, às 18h30 todos a situação já estava controlada e todos os detentos em suas celas. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave