Duas pessoas morrem assassinadas e uma fica ferida em Contagem

As vítimas estavam em um bar quando foram assassinadas a tiros; moradores da região e testemunhas não disseram nada sobre o crime e a polícia ainda desconhece os suspeitos

iG Minas Gerais | JULIANA BAETA |

Duas pessoas morreram após serem baleadas em um bar em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, na noite dessa sexta-feira (11). Uma terceira vítima também foi baleada, mas sobreviveu. Os suspeitos ainda não foram localizados ou identificados, mas a suspeita é que o crime tenha relação com o tráfico de drogas.

Segundo a Polícia Militar, Wagner Silveira, 28, Alan de Souza Garcia, 23, e Diego Adenilson de Oliveira, 27, bebiam em um bar na Vila Esperança quando foram surpreendidos por tiros. Pelo menos dois suspeitos chegaram ao local já atirando e causaram a morte de Diego, que morreu na hora, e Wagner, que morreu pouco depois, no hospital.

Alan também foi socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Retiro e permanece internado. A suspeita é que o crime foi causado por uma rivalidade entre gangues na região, na qual os suspeitos e as vítimas pertenciam a quadrilhas diferentes. Na região, a lei do silêncio impera e os suspeitos seguem foragidos. 

Mais um crime

Já em Belo Horizonte, no bairro Salgado Filho, região Oeste da capital, um homem também morreu após ser baleado no meio da rua, na noite desse sábado.  Duily Lucas Amâncio, 19, foi assassinado com cinco tiros e a polícia ainda desconhece a autoria e a motivação do crime. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave