Prazo para uso é prorrogado

A prorrogação foi publicada ontem no “Diário Oficial da União”

iG Minas Gerais |

Sistema Cantareira está usando volume morto desde o    mês de  maio
NÉLSON ANTOINE/ESTADÃO CONTEÚDO - 4.2.2014
Sistema Cantareira está usando volume morto desde o mês de maio

BRASÍLIA. A Agência Nacional de Águas (ANA) prorrogou até o dia 15 de outubro de 2015 o direito concedido à Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) de explorar as águas do sistema Cantareira, que abastece cerca de 9 milhões de consumidores na Grande São Paulo. A outorga do direito de uso do sistema foi concedida em 2004 e venceria em agosto deste ano. A prorrogação foi publicada ontem no “Diário Oficial da União”.  

As represas que compõem a Cantareira vêm secando nos últimos meses e, desde o final de 2013, a estiagem leva a capacidade a níveis alarmantes. Em junho, o nível de chuvas no sistema foi de 15,9 mm, segundo a Sabesp – número bem abaixo da média histórica do mês, que é de 56 mm. O mesmo ocorreu nos outros meses do ano.

Desde maio, parte de São Paulo é abastecida pelo chamado “volume morto” – água que sobra no fundo do sistema e que é um reservatório de 400 milhões de metros cúbicos.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave