Van Gaal reencontra Felipão após quase 20 anos

Treinadores se enfrentaram, pela primeira e única vez, em 1995, pelo Mundial Interclubes, no Japão

iG Minas Gerais | DANIEL OTTONI E GUILHERME GUIMARÃES |

BAYERN DE MUNIQUE/DIVULOGAÇÃO
undefined

BRASÍLIA (DF). O técnico da Holanda, Louis Van Gaal, terá pela frente, contra o Brasil, um velho conhecido. Apesar de conhecer Felipão há muitos anos, o tempo em que os dois não se enfrentam também é longo. A primeira e única vez em que eles estiveram em lados opostos foi em 1995, na final do Mundial Interclubes, em Tóquio. Eles estarão frente a frente neste sábado, às 17h, no estádio Mané Garrincha, em Brasília, na disputa pelo terceiro lugar da Copa do Mundo entre Holanda e Brasil.  Van Gaal comandava o Ajax, então campeão europeu, enquanto Felipão treinava o Grêmio, que havia conquistado a América. Depois de 120 minutos sem gols, a decisão foi para os pênaltis e terminou com vitória holandesa. “Naquele ano, não perdemos uma única partida. Apesar de termos sido campeões, a experiência não foi muito boa para mim, já que sempre tento fazer meu time jogar bem e isso não aconteceu. O Grêmio foi melhor que o Ajax naquela oportunidade. Quero que meu time jogue um bom futebol contra o Brasil”, sinaliza o comandante. Ex-professor de Educação Física, Van Gaal, que fará contra o Brasil sua última partida no banco de reservas da Holanda, espera que seus jogadores o gratifiquem com uma vitória convincente. “Quem sabe os atletas não me dão um presente em forma de terceiro lugar? Quando eu era professor, durante 11 anos, deixava as crianças brincarem á vontade. Espero que os jogadores também façam isso”, projeta. Ainda nesta Copa do Mundo, Felipão chegou a criticar Van Gaal, quando o treinador holandês supôs que o Brasil estaria sendo beneficiado pelo fato de entrar em campo já sabendo dos outros resultados da primeira fase. Felipão insinuou que, quem pensava desta forma, era 'burro ou mal intencionado'. Perguntado na coletiva sobre o assunto, Van Gaal apenas afirmou que apenas se ateve aos fatos que aconteceram para tecer suas colocações.