Trabalhador rural é preso após estuprar e engravidar enteada em Unaí

Exame de corpo delito constatou que vítima está gravida de cinco semanas e o homem detido é suspeito de ser o pai

iG Minas Gerais | CAMILA KIFER |

Um trabalhador rural de 38 anos foi preso nessa quinta-feira (10) em Unaí, no Noroeste do Estado, depois de abusar da enteada e bater na própria mulher. O suspeito vai responder por abuso de vulnerável, já que a enteada tem deficiência mental. Após o exame de corpo delito, ficou constatado o abuso. Além disso, foi descoberto que a jovem está gravida de cinco semanas, a suspeita é que o homem seja o pai da criança.

O crime aconteceu na casa, localizada em uma ocupação sem terra, na zona rural da cidade, onde o criminoso vivia com a companheira de 46 anos e a vítima de 28. O homem identificado pelas iniciais C.R.S.B aproveitou que sua mulher havia saído de casa para fazer compra e consumou o ato.

Quando a mulher retornou para a residência encontrou a filha desolada, segundo informações do boletim de ocorrência da Polícia Militar (PM). A vítima contou para a mãe o que tinha acontecido e afirmou que aquela não era a primeira vez que era abusada.

A mãe da vítima relatou à polícia que o homem gritou que iria manter relações sexuais com as duas. Ela ainda contou  que ele disse que se elas falassem para alguém ele iria acabar com a vida delas. Em seguida, o homem ainda teria agredido a própria mulher.

A dona de casa de 46 anos e a filha de 28 procuraram ajuda em um Posto de Atendimento Médico da cidade, que fica ao lado do Hospital Municipal, no centro. Elas acionaram a polícia, fizeram um boletim de ocorrência e passaram por exames médicos. No Hospital, ficou constatado o abuso e a gravidez.

O trabalhador rural foi preso na casa de familiares, na região central da cidade. Ele foi encaminhado para  a Delegacia de Polícia Civil do município.  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave