Goleiro da Argentina é advertido por mensagem à família

Romero mostrou camiseta com dizeres em homenagem à mulher e filhas após vitória nos pênaltis na seifinal, e levou "bronca" da Fifa

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Romero pegou dois pênaltis e foi o herói da Argentina
ALEX DE JESUS/O TEMPO
Romero pegou dois pênaltis e foi o herói da Argentina

A Fifa enviou uma advertência ao goleiro argentino Sergio Romero por mostrar uma camisa com uma mensagem dirigida a sua mulher e seus filhos.

Logo depois da vitória nos pênaltis sobre a Holanda, quarta-feira (9), pela semifinal da Copa do Mundo, o arqueiro tirou a camisa da seleção e exibiu uma camiseta com a mensagem "Eli, Jaz, Chlo, las amo". Eli é a bailarina Eliana Guercio, sua mulher. O casal tem duas filhas: Jazmin e Chloe.

A Fifa proíbe que jogadores usem seu uniforme para passar "mensagens política, religiosa, de cunho pessoal, comunicados e imagens, ou propagandas".

MULTA

A entidade também decidiu multar a AFA (Associação de Futebol da Argentina) em 300 mil francos suíços (R$ 747 mil) por não levar jogadores para a entrevista coletiva de véspera de três partidas, contra Nigéria, Suíça e Bélgica. O mesmo aconteceu na semifinal contra a Holanda.

Pelo regulamento da Copa, cada seleção deve apresentar para essa entrevista o treinador e um jogador.

Leia tudo sobre: romerocopa do mundoargentinaseleção portenhamensagemfifa