Petista critica saneamento e promete rever contratos

iG Minas Gerais | Flávia Carneiro |

O candidato do PT ao Palácio Tiradentes, Fernando Pimentel, criticou ontem o governo de Minas dizendo que “ele praticou uma fraude contra a população, quando divulgou, através de uma propaganda na TV, que saneou o rio das Velhas.” Segundo o candidato, “qualquer cidadão pode ver, ao chegar às margens do rio das Velhas, que no local ainda é despejada grande quantidade de esgoto”.  

Pimentel esteve ontem em Sabará, onde foi recebido pelo prefeito, Diógenes Fantini (PMDB), que reclamou que a cidade paga uma sobretaxa na conta de água de 50% para a Copasa, referente ao tratamento do esgoto, o que efetivamente não acontece. O prefeito cobrou do candidato a revisão do contrato, caso seja eleito. Pimentel respondeu que “chegando ao governo de Minas vai retificar esses acordos firmados com a Copasa”.

O petista voltou a criticar a atual administração estadual, dizendo que ela tem deixado os municípios “à míngua”. “Se não fosse o governo federal, a situação das cidades estaria ainda pior”, disse.

Questionado sobre a reivindicação de prefeitos, que querem um aumento no percentual do Fundo de Participação dos Municípios, Pimentel afirmou que apoia a ideia. “Como o que rege esses contratos é uma lei federal, a presidente Dilma Rousseff já encomendou um estudo nesse sentido e acredito que haverá mudança a partir do ano que vem”, revelou.

Pimentel afirmou que defende uma nova legislação sobre a destinação dos resíduos sólidos produzidos nas grandes cidades. “Precisamos rever essa política para não prejudicar os municípios que recebem o lixo”, disse. 

Jabuticaba

Visita. Pimentel fez uma caminhada pelas ruas de Sabará. Ele tomou café em uma padaria, entrou em um restaurante e em um bar, onde experimentou uma casca de jabuticaba desidratada.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave