Capilaridade na força dos aliados

Pimenta da Veiga e Fernando Pimentel apostam nas bases para fortalecer campanha no Estado

iG Minas Gerais | Flávia Carneiro / Larissa arantes |

Força. Dinis, Pimenta e Anastasia com aliados
MARIELA GUIMARAES / O TEMPO
Força. Dinis, Pimenta e Anastasia com aliados

Os dois principais adversários ao governo de Minas Gerais, Pimenta da Veiga (PSDB) e Fernando Pimentel (PT), apostam na influência e na capilaridade de deputados estaduais e federais, além de apoiadores de partidos aliados, para fortalecer as campanhas em todo o Estado. O tucano se reuniu nessa quinta com cerca de cem candidatos da coligação às cadeiras na Assembleia Legislativa e na Câmara dos Deputados para discutir as estratégias para as eleições. Ao todo, a aliança terá mais de mil candidatos a deputado. Um vídeo do senador e presidenciável Aécio Neves (PSDB) foi exibido na abertura do evento, realizado em hotel da região Centro-Sul da capital. Na pauta do encontro, feito a portas fechadas, a importância das redes sociais – em especial o Facebook – para a conquista de votos e a unificação dos discursos e materiais de campanha. “Queremos uma harmonia e uma convergência para as eleições majoritárias”, explicou Pimenta. Segundo o deputado Bonifácio Mourão (PSDB), foi reforçada a orientação de os candidatos não fazerem campanha isolada. Ainda de acordo com o parlamentar, ficou definido que o candidato a vice na chapa, deputado estadual Dinis Pinheiro (PP), poderá fazer viagens separadas de Pimenta para que a campanha esteja em mais lugares “ao mesmo tempo”. O presidente do PSDB em Minas, deputado federal Marcus Pestana, resumiu a reunião. “Foram discutidos desde aspectos políticos até operacionais”, disse. Ele ainda chamou de “exército” os deputados e aliados que “estarão nas ruas” buscando votos pelas cidades mineiras. Para garantir a uniformização do discurso, além dos dados das gestões tucanas em Minas Gerais, foram apontadas as “falhas” da União como a não realização da expansão do metrô e os atrasos nas obras de duplicação da BR–381 e do Anel Rodoviário. Nessa quinta, Pimenta da Veiga, Dinis Pinheiro e Anastasia ainda visitaram o comitê central de campanha na região Sul da capital. Na parte da manhã, Pimenta se reuniu com ex-vereadores da época em que foi prefeito de Belo Horizonte. Frentes. O candidato do PT ao governo de Minas, Fernando Pimentel, disse nessa quinta que vai adotar a estratégia de realizar atos simultâneos de campanha dos partidos aliados “para multiplicar a força da chapa”. Pimentel destacou que, neste fim de semana, fará um ato público em uma cidade da região metropolitana de Belo Horizonte, ainda não definida, enquanto o candidato a vice em sua chapa, Antônio Andrade (PMDB), estará na região do Alto do Paranaíba. “O Toninho (Antônio Andrade) é uma liderança expressiva não só no PMDB, mas em todo o interior de Minas. Além dele, teremos uma terceira frente em nossa campanha, com o candidato do PT ao Senado, o estreante Josué Alencar”, afirmou Pimentel. O candidato petista participou nessa quinta de uma caminhada pelas ruas da cidade histórica de Sabará, a 20 quilômetros de Belo Horizonte. Ele foi recebido pelo prefeito da cidade, Diógenes Fantini (PMDB), e estava acompanhado de correligionários e do deputado estadual André Quintão (PT). Pimentel disse também que a presença de representantes de PCdoB, PRB e PROS em Sabará nessa quinta mostra que a participação dos líderes dos partidos aliados será de extrema importância para multiplicar os esforços de campanha. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave