Ator é mecânico e piloto de aeronave

iG Minas Gerais |

São Paulo. Visto recentemente em participações em “Malhação” e na série bíblica “Milagres de Jesus”, da Record, Jonas Torres empenhou-se em retomar a função de ator nos últimos meses. “Comecei a falar com algumas pessoas, me fazer ser visto”, confessa ele, que mantém amizades desde que esteve no elenco de produções como “Top Model” (1989) e “Vamp” (1991). “O Pedro (Vasconcelos, diretor-geral de ‘Império’) é um grande amigo. E tem até a galera da equipe técnica”.

Além de atuar, o carioca também tem formação militar. “Como comecei cedo, aos 18 fui correr atrás de outras coisas, atrás da minha identidade. Como tenho pai norte-americano, fui servir o exército lá. Sou piloto e mecânico de aeronaves”.

Ele afirma que gosta de intercalar as atividades. “É um lado aventureiro que tenho. A gente tem de alimentar os dois lados, senão, um fica capenga. Eu adoro a arte, está dentro de mim. É uma necessidade”, explica o ator, que também salta de paraquedas. A incerteza financeira de viver como artista não o incomoda. “Essa instabilidade é inerente à profissão”.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave