Arquibancadas provisórias do Itaquerão começam a ser removidas

Prazo para a retirada das cadeiras é de 120 dias e o trabalho será feito pela Fast Engenharia

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Torcedores tomaram as arquibancadas do Itaquerão para acompanhar o duelo com a Suíça
Reprodução Twitter
Torcedores tomaram as arquibancadas do Itaquerão para acompanhar o duelo com a Suíça

As arquibancadas provisórias do Itaquerão, em São Paulo, começarão a ser retiradas na sexta-feira (11) e as obras não impedirão o estádio de receber partidas do Campeonato Brasileiro.

A estrutura foi construída para a Copa do Mundo e aumentou a capacidade do estádio em quase 20 mil lugares. Sem as arquibancadas provisórias, a capacidade da arena é de 48 mil pessoas. O prazo para a retirada das cadeiras é de 120 dias e o trabalho será feito pela Fast Engenharia, empresa terceirizada responsável pela estrutura provisória do estádio.

De acordo a assessoria da empresa, o local ficará "isolado do público em dias de partidas, sem oferecer qualquer tipo de risco aos torcedores".

Ainda segundo a Fast Engenharia, o peso das arquibancadas supera 2.000 toneladas, que foram divididas em 8.800 assentos no lado norte, 8.800 no lado sul, 1.200 no lado leste e mil no lado oeste.

O estádio voltará a receber uma partida do Campeonato Brasileiro no dia 17 de julho, quando o Corinthians recebe o Internacional pela competição nacional.

Na Copa, o Itaquerão recebeu seis jogos, incluindo a abertura do Mundial entre Brasil e Croácia. A última partida do estádio no Mundial aconteceu na quarta-feira (9) entre Holanda e Argentina, pela semifinal da competição.