Balança é temida por muitas pessoas no inverno sem necessidade

Especialistas explicam o que é melhor comer na estação do ano que sentimos mais fome

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Fondue de vinho tinto do espaço gastronômico da pousada Estalagem do Mirante
Estalagem do Mirante/Divulgação
Fondue de vinho tinto do espaço gastronômico da pousada Estalagem do Mirante

Muitas pessoas reclamam que durante o inverno sentem mais fome e sempre engordam neste período. Segundo médicos, a explicação é que nesta época gastamos mais energia para manter a temperatura corporal normalizada. E é por isso que aumenta a vontade de comer e resistir aos alimentos saborosos e de altos valores calóricos.

Para manter a forma mesmo no inverno, Rafaela Isis Reis, Coordenadora do Serviço de Nutrição do Hospital San Paolo, dá alguma dicas. “O grande coringa para a alimentação no inverno é a sopa, além dos caldos quentes que possuem baixa caloria. Dê preferência para aqueles feitos com legumes e temperos naturais para dar sabor. Não abuse dos acompanhamentos, como queijo, torradinhas e pão francês”.

Quanto às bebidas, aquele delicioso chocolate quente pode ser substituído por um chá quentinho com adoçante para esquentar as manhãs e as tardes mais frias. Nutricionistas ressaltam que é importante não esquecer da hidratação com água, que também é imprenscindível neste momento. Embora a transpiração diminua no inverno, nossas necessidades quanto à hidratação continuam sendo as mesmas, de 1,5 litros de água por dia.

As frituras também devem ser evitadas porque além de calóricas estão entre as principais causadoras de doenças cardiovasculares.

Para não deixar de lado uma das estrelas da estação, nutricionistas explicam que  uma boa opção para curtir o clima frio é fazer o fondue com leite desnatado e queijos magros. Já os pães, que acompanham o prato, podem ser substituídos por legumes.  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave