Novos recursos para o Funcafé totalizam R$ 1,23 bilhão

Novos contratos no valor de R$ 337 milhões foram publicados no Diário Oficial da União. Os recursos foram somados aos R$ 895 milhões de junho

iG Minas Gerais | Da redação |

Os contratos já firmados financiarão operações de custeio, estocagem e aquisição do café
Mapa/Divulgação
Os contratos já firmados financiarão operações de custeio, estocagem e aquisição do café

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) assinou contratos com três novos agentes financeiros para repasses de recursos no valor de R$ 337 milhões do Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé). Esses recursos, aprovados pela Resolução do Conselho Monetário Nacional (CMN) nº 4.325/14, totalizam o montante de R$ 1,23 bilhão.

Os contratos já firmados financiarão operações de custeio (R$ 415 milhões), estocagem (R$ 540 milhões) e aquisição do café (FAC - R$ 277 milhões).

Os agentes financeiros contratados na semana passada são Banco de Tokyo S.A., Banco Santander Brasil S.A. e Credivar. As instituições contratadas em junho são: Banco BPN Brasil Banco Múltiplo S.A; Banco Bradesco S.A; Banco Safra S.A; Banco Votorantim S.A; Cooperativa Central de Crédito de Minas Gerais (Crediminas); Cooperativa Central de Crédito do Espírito Santo (Central ES); Cooperativa de Crédio de Livre Admissão da Região de Alpinópolis (Credialp); Cooperativa de Crédito de Livre Admissão do Sudoeste de MG e Nordeste de SP (Agrocredi); e Cooperativa de Crédito de Livre Admissão de Patrocínio (Coopacredi).

 

 

 

Leia tudo sobre: funcafécaféapoiorecursosmapainvestimentos