FIFA recusa pedido da AUF e mantém punição à Luís Suárez

Associação Uruguaia de Futebol achou pena exagerada e entrou com recurso para que punição fosse revista

iG Minas Gerais | DANIEL OTTONI |

Polêmica. Luis Suárez mordeu o jogador italiano Chiellini na partida de terça-feira
Ricardo Mazalan/ap - 24.6.2014
Polêmica. Luis Suárez mordeu o jogador italiano Chiellini na partida de terça-feira

O pedido da Associação Uruguaia de Futebol (AUF), feito à FIFA, para rever a punição de Luís Suárez, foi negado.

Após morder o zagueiro Chiellini, em jogo da primeira fase do Mundial entre Uruguai e Itália, Suárez sofreu punição de nove jogos oficiais pela seleção mais quatro meses longe dos gramados.

A AUF achou o castigo exagerado e entrou com recurso junto à maior entidade do futebol, solicitando revisão da pena.

Na manhã desta quinta-feira, a FIFA anunciou que a punição está mantida. Suárez está prestes de deixar o Liverpool para assinar com o Barcelona, em transferência no valor de 70 milhões de euros, cerca de R$ 265 milhões.