Menos dólares no 1º semestre

Brasil registrou menor entrada da moeda para o período dos últimos quatro anos

iG Minas Gerais |

Alta. Dólar deve fechar o final deste ano com cotação a R$ 2,40
Stockxpert/divulgação
Alta. Dólar deve fechar o final deste ano com cotação a R$ 2,40

BRASÍLIA. A entrada de dólares da economia brasileira superou a retirada de recursos do país em US$ 4,14 bilhões (equivalente a R$ 9,07 bilhões) no primeiro semestre deste ano. Os dados foram divulgados nesta quarta pelo Banco Central (BC).

É o menor ingresso líquido de recursos na economia brasileira, no primeiro semestre de um ano, desde 2010 (+US$ 3,36 bilhões), ou seja, em quatro anos. Na comparação com o mesmo período do ano passado, quando foi contabilizada a entrada de US$ 9,53 bilhões no país, houve uma queda de 56%.

Mesmo pequena, a entrada de recursos registrada no primeiro semestre de 2014 favoreceu, em tese, a queda do dólar. Isso porque, com mais moeda norte-americana no mercado, o preço tende a ficar menor.

Cotação. Nos seis primeiros meses deste ano, de fato, o dólar registrou queda. No fim de 2013, a moeda estava cotada em R$ 2,35, passando para R$ 2,21 no fechamento do último mês de junho. O recuo foi de 6,26% no período equivalente.

Esse cenário, porém, deve se modificar. Os analistas do mercado financeiro acreditam que a moeda norte-americana terá alta neste segundo semestre.

Uma pesquisa realizada pelo Banco Central com mais de cem instituições financeiras, na semana passada, revela que a previsão dos economistas para o dólar, no fim deste ano, é de R$ 2,40 – o que representaria uma alta de 8,6% no segundo semestre de 2014.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave