Adnet é agredido, mas desiste do BO por conta da fila na delegacia

Humorista esteve no Mineirão no duelo contra a Alemanha e levou um pontapé de torcedor; episódio terminou com pedido de desculpas

iG Minas Gerais | Ana Paula Pedrosa |

Oswaldo Ramos/Webrepórter
undefined

O humorista Marcelo Adnet foi agredido no Mineirão, durante a derrota do Brasil para a Alemanha. Segundo relatou a policiais, ele estava deixando o estádio pouco antes do fim da partida, quando um torcedor o chamou de "pé frio" e deu um pontapé por trás. Adnet identificou o agressor com a ajuda dos seguranças e foi com ele até a delegacia, mas desistiu de registrar o Boletim de Ocorrência depois de ser informado que deveria esperar pelo menos quatro horas. Os registros eram feitos por ordem de chegada.

"A sua sorte é que você está no Brasil", disse para o torcedor, que permaneceu calado, enrolado em uma bandeira do Brasil. O humorista também se irritou com a presença da imprensa e não quis dar declarações. Cerca de meia hora mais tarde, quando já havia se acalmado, ele conversou com o torcedor e aceitou o pedido de desculpas. 

Leia tudo sobre: Marcelo AdnethumoristaBrasilCopa do Mundo 2014