Pimenta da Veiga diz que dará atenção especial a mobilidade urbana

O candidato apresentou ontem algumas das propostas de seu plano de governo, áreas como saúde e educação também foram destacadas

iG Minas Gerais | Larissa Arantes |

POLITICA:. BELO HORIZONTE - MG - Feira dos Produtores  O Candidato A Governo de Minas Pimenta da Veigafa faz campanha na feira dos Produtores Bairro Cidade Nova . Na foto Pimenta da Veiga e Dinis Pinheiro
FOTO: JOAO GODINHO / O TEMPO 2014/07/09
JOAO GODINHO / O TEMPO
POLITICA:. BELO HORIZONTE - MG - Feira dos Produtores O Candidato A Governo de Minas Pimenta da Veigafa faz campanha na feira dos Produtores Bairro Cidade Nova . Na foto Pimenta da Veiga e Dinis Pinheiro FOTO: JOAO GODINHO / O TEMPO 2014/07/09

O candidato tucano ao governo de Minas Gerais, Pimenta da Veiga, destacou na tarde desta quarta-feira (9) algumas propostas de seu plano de governo. Além de destacar áreas como saúde e educação, Pimenta disse nesta quarta que a mobilidade urbana vai ter uma atenção especial no programa.

“A mobilidade urbana, sobretudo na região metropolitana de Belo Horizonte, será uma ênfase (…) O que queremos é, definitivamente, enfrentar o problema de transporte de massa na região metropolitana. No meu juízo, o meio mais efetivo é o metrô”, detalhou durante visita à Feira dos Produtores, no bairro Cidade Nova, região Nordeste da capital.

Pimenta citou ainda outra possibilidade para enfrentar os problemas relacionados à mobilidade urbana. “O mais eficiente é o sistema de transporte sobre trilhos. Nós temos que fazer um projeto que contemple um transporte coletivo sobre trilho de Betim a Confins, de Ribeirão das Neves ao Jardim Canadá, para execução ao longo de alguns anos”, explicou. Ainda de acordo com o tucano, o projeto já teria que ter início a partir dos primeiros meses do ano que vem.

Seleção

O tucano comentou ainda a derrota da Seleção Brasileira nesta terça-feira (8), que viu de perto, pois estava no Mineirão. “Estou ainda, de certo modo, traumatizado. Estava no estádio ontem, quando vi aquilo que ocorreu, e até agora não acredito direito no que vi. Foi um dia muito triste para o futebol brasileiro, uma grande frustração, mas continuo acreditando no nosso futebol e precisamos confiar que vamos nos recuperar disso”, lamentou.  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave