Chegada do Brasil tem pagode e boné de apoio a Neymar

Até Luiz Felipe Scolari e Murtosa 'caíram na folia'; sem Neymar, seleção encara a Alemanha pela semifinal da Copa do Mundo

iG Minas Gerais | JOSIAS PEREIRA |

A chegada dos jogadores da seleção brasileira ao Mineirão, para o duelo com a Alemanha, válido pela semifinal da Copa do Mundo, foi marcada pelo clima de festa e muita tranquilidade. Assim que o ônibus estacionou na entrada principal do Gigante da Pampulha, o tradicional pagode "rolou" solto. A todo o momento, os convocados de Luiz Felipe Scolari batiam nas janelas do veículo e esbanjavam alegria.

Toda a comissão técnica entrou na onda, entre eles Murtosa. O que também chamou a atenção foi o boné com os dizeres "Força Neymar", utilizado por todos os jogadores e também por Felipão.

O treinador foi um dos primeiros a descer do ônibus. Assim que sua imagem foi exibida nos telões do Mineirão, a torcida foi ao delírio. Outro que recebeu uma calorosa saudação foi o carismático David Luiz, que na ausência de Thiago Silva assume a braçadeira de capitão.