Dilma confirma que entregará taça ao campeão da Copa

Em conversa com internautas, presidente tratou vaias como "ossos do ofício" e torce para que troféu seja para o Brasil

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Dilma mostrou pouco medo de se expor e reafirmou apoio ao craque Neymar
Reprodução
Dilma mostrou pouco medo de se expor e reafirmou apoio ao craque Neymar

A presidente Dilma confirmou que será ela quem entregará a taça nas mãos do capitão do vencedor da Copa no Brasil. Em conversa com internautas nesta segunda-feira, a chefe de Estado disse que estará no Maracanã no dia 13 de julho e torce para que o vencedor seja o Brasil.

“Vou entregar a taça no domingo, e torço para que seja para o Brasil”, afirmou ela.

Sobre a possibilidade de voltar a ser vaiada, como aconteceu na abertura da Copa do Mundo, Dilma mostrou que não tem medo de se expor e respondeu com um  breve “são ossos do ofício”.

A presidente também ressaltou seu apoio ao craque Neymar, que não poderá atuar mais pelo Brasil nesta Copa e ficará em recuperação. Descontraída, ela chegou a divulgar fotos fazendo o famoso “T” de “Tois”, promovido pelo próprio camisa 10 do Brasil.

“A dor do Neymar ao ser atingido feriu o coração de todos os brasileiros. O Neymar está aí, mesmo ferido, querendo jogar. É um guerreiro. O exemplo de resistência do Neymar vai fortalecer a Seleção. Fazê-la se superar”, disse Dilma.

Leia tudo sobre: dilmacopa do mundopresidentetaçaentregatroféucampeãmaracanãvaiasneymarapoio