Sem Di María, Argentina retoma treinamentos na Cidade do Galo

Atacante se lesionou no confronto contra a Bélgica e Enzo Perez e Ricky Alvaréz brigam pela vaga na semifinal contra a Holanda

iG Minas Gerais | Josias Pereira |

undefined

Nada melhor do que classificar-se a uma semifinal de Copa do Mundo após 24 anos. Na tarde deste domingo, a seleção argentina realizou seu primeiro treinamento após a vitória sobre a Bélgica por 1 a 0. O clima na Cidade do Galo era de descontração total. Alívio por ter quebrado um incômodo tabu. No entanto, debaixo dos sorrisos e aplausos de Sabella, Messi e cia. existia também preocupação.

Bastou uma rápida olhada para visualizar os jogadores argentinos e destacar a ausência de Di María. No duelo com os belgas, em Brasília, o jogador sofreu uma lesão no músculo adutor da coxa direita e sequer foi a campo com os demais companheiros para o bate-papo. O corte do atleta deverá ser oficializado pela cúpula argentina nas próximas horas.

Mas nem tudo é lamentação. Totalmente recuperado de uma lesão na coxa direita, Agūero treinou normalmente ao lado dos suplentes. Após ficar fora dos duelos com Suíça e Bélgica, seu retorno ao time é praticamente assegurado contra a Holanda, na próxima quarta-feira, em São Paulo. Sem Di María, o técnico Alejandro Sabella deverá manter Lavezzi entre os titulares. Enzo Perez, que substituiu o jogador do Real Madrid na última partida, e Ricky Álvarez também lutam pela titularidade.

Regenerativo - Enquanto os titulares realizaram apenas um trabalho leve na Cidade do Galo, os jogadores que não enfrentaram a Bélgica participaram de uma atividade em campo reduzido com a equipe sub-20 da Argentina.  

Leia tudo sobre: ArgentinaDi MaríaCidade do GaloCopa do Mundo 2014