Goleiro titular da Holanda se irrita com substituição, mas se desculpa

Cillessen não sabia da estratégia do técnico holandês e se sentiu frustrado ao ficar de fora de um momento decisivo na Copa

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Cillessen foi tirado do jogo no finzinho do segundo tempo da prorrogação
AP Photo/Hassan Ammar
Cillessen foi tirado do jogo no finzinho do segundo tempo da prorrogação

O goleiro titular da Holanda, Jasper Cillessen, se irritou neste sábado (5) ao ser substituído no fim da partida, pouco antes da disputa de pênaltis, e chutou garrafas que estavam no banco de reservas logo após a troca. Ao fim da partida, após as defesas de Tim Krul, pediu desculpas. O técnico Louis van Gaal fez a substituição ao fim do segundo tempo da prorrogação da partida contra a Costa Rica, pelas quartas de finais. Apostou na envergadura de Krul, seis centímetros mais alto que o titular, e acertou: ele defendeu duas cobranças. Ao ser substituído, Cillessen chutou o material ao lado do treinador e foi consolado pelos colegas. Na zona mista, ele pediu desculpas. Ele diz ter ficado frustrado no momento da substituição. "Ninguém me falou nada. De repente eu vi Tim se aquecendo. Entendi que algo aconteceria comigo. Por isso minha resposta irritada. Foi uma frustração", disse ele, que pediu desculpas. Van Gaal afirmou que Cillessen permanece como titular para a partida contra a Argentina, na quarta-feira (9), pelas semifinais da Copa. Krul, o herói holandês da partida deste sábado (5), elogiou o companheiro. "Ele fez defesas importantes durante o jogo. Se não fosse ele, talvez não teríamos a disputa de pênaltis", disse

Leia tudo sobre: seleção holandesacillessengoleiroCopa do Mundopenaltikrul