Manifestantes protestam em frente a Cowan na Pampulha

Cerca de 25 pessoas pedem um basta nas mortes por causa das obras para a Copa do Mundo

iG Minas Gerais | Natália Oliveira / Joana Suarez |

Manifestantes pedem fim das mortes com as obras da Copa
Joana Suarez / Web repórter
Manifestantes pedem fim das mortes com as obras da Copa

Manifestantes protestam na tarde deste sábado (5) em frente a sede da empresa Cowan, na rua General Aranha, na Pampulha. A empresa é responsável pelo viaduto que caiu na última quinta-feira (3) e deixou duas pessoas mortas e outras 23 feridas.  

Por enquanto cerca de 25 pessoas estão reunidas no local com faixas dizendo que bastam as mortes com as obras da Copa do Mundo. Os manifestantes utilizam um megafone para protestar.  O evento que foi organizado pelo Facebook tinha mil confirmações.

Duas caminhonetes e um microônibus do Batalhão de Choque da Polícia Militar já estão no local e alguns policiais estão dentro da empresa. Pela manhã moradores do entorno da avenida Pedro I também fizeram um protesto próximo ao local da tragédia.

Aguarde mais informações 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave