Na festa brasileira em Salvador, solidariedade aos mineiros

Baiados comemoram a classificação do Brasil para a semifinal e comentam queda do viaduto em Belo Horizonte

iG Minas Gerais | Thiago Nogueira |

Salvador (BA). Por causa da queda do viaduto que causou a morte de duas pessoas na última quinta-feira, Belo Horizonte não teve praças oficias para comemorar a vitória do Brasil sobre a Colômbia. Mas a classificação marcante para a semifinal, que será justamente na capital mineira, não deixou de ser festejada no restante do país.

Na Bahia, a chamada Terra da Alegria, também vibrou com os gols de Thiago Silva e David Luiz, mas sem deixar de mandar uma mensagem de conforto aos mineiros. “Não existe acaso. O que aconteceu serve para se refletir o que pode ser feito melhor daqui para a frente. Nós nos solidarizamos com BH”, diz a Tia Douçurada, uma palhaça baiana que deixou as piadas de lado para falar sério.

Não era dia mesmo de tristeza, nem de tanta apreensão. Não da forma que aconteceu no Mineirão, no jogo contra o Chile, embora os mais de 40 mil torcedores na Fan Fest do Farol da Barra tivessem que segurar a aflição nos momentos finais.

Apito final do árbitro em Fortaleza e o auxiliar de cinegrafista Hildelbrando Andrade – com sua cabeleira que fez lembrar craques do passado, como Dadá Maravilha e Jairzinho e, por que não, o ídolo colombiano Valderrama –, enfim, respirou aliviado. “Foi menos traumático”, resumiu.

Em meio da torcida brasileira em Salvador, os torcedores colombianos deixavam o espaço de cabeça erguida. “Foi um bom jogo, de muitas faltas. Acredito que nosso time estava muito cansado. Fizemos uma boa campanha e esse time é o melhor da história do país”, defende Maximiliano Salami.

Leia tudo sobre: SalvadorTorcedoresSemifinalAcidenteViadutoBH