Felipão acha difícil presença de Neymar contra a Alemanha

Jogador levou uma joelhada nas costas em dividida com colombiano Zúñiga; encaminhado ao Hospital, camisa 10 será reavaliado

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Felipão reclamou de arbitragem passiva no duelo com a Colômbia
JEFFERSON BERNARDE/VIPCOMM
Felipão reclamou de arbitragem passiva no duelo com a Colômbia

A seleção brasileira venceu a Colômbia por 2 a 1, nesta sexta-feira, em Fortaleza, e garantiu sua classificação às semifinais da Copa do Mundo. No entanto, Luiz Felipe Scolari pode perder seu principal jogador na decisiva partida contra a Alemanha, na próxima terça-feira, em Belo Horizonte. Aos 40 min do segundo tempo, Neymar disputou bola com Zúñiga e levou a pior. O camisa 10 brasileiro sofreu uma joelhada nas costas e deixou o campo com muitas dores. Encaminhado para uma clínica da capital cearense, o jogador será reavaliado nas próximas horas. Preocupado com a situação do craque, Felipão já trabalha com uma possível ausência do jogador.

"Eu acho difícil ele jogar. Aí eu pergunto, não teve nem cartão amarelo. Não dá para entender certos tipos de coisas. Há três jogos a gente vem falando sobre as várias faltas que ele vem sofrendo, mas só os jogadores da Alemanha e de outras seleções que são cassados, o Neymar não", afirmou o treinador.

"De acordo com o que doutor nos passou, eu posso garantir que não será fácil uma recuperação em quatro dias. Vamos esperar que corra tudo bem, mas não estamos assim tão esperançosos. Se for uma lesão mais difícil, pode ser que ele tenha alguma chance de jogar na final se chegarmos até lá", completou Felipão.

Durante a semana, o jogador também inspirou preocupações por parte da comissão técnica brasileira. Neymar foi submetido a um tratamento em sua coxa esquerda e também no joelho direito, ambos machucados após pancadas recebidas na vitória sobre o Chile, sábado, em Belo Horizonte.