Discurso otimista de Felipão

iG Minas Gerais |

Fortaleza. Na véspera do confronto com a Colômbia, o técnico Luiz Felipe Scolari adotou um discurso otimista antes de decidir a classificação às semifinais do Mundial. Ao ser questionado se o time permanecia com uma mão na taça da Copa do Mundo, como declarara o coordenador técnico Carlos Alberto Parreira no início do período de preparação, Felipão foi direto. “Continua (com a mão na taça). Os jogadores continuam com o mesmo discurso. O Parreira foi muito feliz naquelas declarações, e segue tudo igual. Estamos no quinto passo. São sete”, disse o treinador, referindo-se ao quinto jogo do Mundial. Até agora, a seleção ainda não empolgou no torneio – coleciona duas vitórias e dois empates. No sábado, os jogadores surpreenderam a comissão técnica ao chorarem em pleno gramado do Mineirão antes da decisão por pênaltis. Segundo Felipão, ele perguntou aos jogadores se a comissão técnica teria colocado pressão sobre o grupo ao proclamar o favoritismo do Brasil antes do início da Copa. Felipão afirmou que o grupo garantiu que a cobrança parte dos próprios atletas. “Conversei com o Paulinho, e ele me garantiu que não tem problema nenhum com pressão. Eles estão acostumados”, acrescentou.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave