Parlamento russo pede explicações sobre campanha da seleção no Mundial

Técnico Fabio Capello terá de explicar o porquê de a Rússia ter sido eliminada na primeira fase e quais são os seus planos para o futuro

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Divulgação/Real Madrid
undefined

A eliminação da Rússia ainda na primeira fase da Copa do Mundo não foi bem aceita pelo Parlamento russo, que decidiu convocar o técnico Fabio Capello para dar explicações sobre a campanha da seleção no Mundial realizado no Brasil.  

Em entrevista à agência italiana Ansa, o deputado russo Igor Ananskikh informou que Capello terá que se reunir nesta quinta-feira com políticos e dirigentes do Ministério do Esporte e da Federação de Futebol do país para explicar o porquê de a  Rússia ter sido eliminada na primeira fase e quais são os seus planos para o futuro da seleção.

Fabio Capello tem contrato com a Federação Russa até o fim da Copa de 2018, que será disputada no país. O italiano chegou ao Brasil como o técnico mais bem pago do Mundial, com rendimentos acima de 8 milhões de euros (24 milhões de reais).  A  Rússia se despediu da competição  com uma derrota (1 a 0 para a Bélgica) e dois empates em 1 a 1, contra Coreia do Sul e Argélia.