Portador de paralisia cerebral precisa de cadeira de rodas

Jovem de 23 anos passa maior parte do dia em carrinho de bebê improvisado, o que prejudica a coluna e agrava atrofiamento dele

iG Minas Gerais | Gustavo Lameira |

Cadeira ideal para o jovem custa cerca de R$ 4.000
Reprodução/Facebook
Cadeira ideal para o jovem custa cerca de R$ 4.000

A família de um jovem com paralisia cerebral usa o Facebook para pedir ajuda. Sidney Rodrigues, de 23 anos, mora em Pedro Leopoldo, região metropolitana de Belo Horizonte, e desde que nasceu enfrenta problemas e limitações. Mais recentemente, a falta de uma cadeira de rodas especial dificulta ainda mais a vida dele.

Conforme a mãe, Hélcia Rodrigues da Gama, 44, o filho passa a maior parte do tempo em um carrinho de bebê, improvisado, que prejudica a coluna e agrava atrofiamento dele. "Três vezes por semana, na parte da manhã, ele vai para APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais). Um micro-ônibus da prefeitura pega ele às 6h30, e traz de volta ao 12h30. Lá, ele tem uma cadeira apropriada, mas aqui em casa, fica no carrinho. A vida dele é essa". Na instituição Sidney é atendido por ortopedistas, clínico geral, fonoaudiólogo e neurologista.

A dona de casa conta com uma bolsa-auxílio do governo, por conta da deficiência do jovem, e com ajuda de outros dois filhos de 20 e 24 anos, também assalariados. "Ele já teve uma cadeira de rodas, foi doada, mas como ela era comum e o corpo dele muito 'mole', não conseguiu se adaptar. Por ser mais reclinado, o carrinho acabou funcionando melhor para ele", explicou a mãe.

A cadeira ideal para o jovem custa cerca de R$ 4.000, o que está fora da possibilidade financeira da família. "Algumas pessoas tem se mobilizado para ajudar a gente. Uns amigos estão fazendo até uma rifa. Já tiramos as medidas dele para cadeira, vai melhorar demais pro meu filho, mas ainda não conseguimos levantar o dinheiro".

Foi Rosiele Rodrigues, prima de Sidney, quem teve a iniciativa e usou a rede social para  fazer o apelo. Ainda segundo dona Hélcia, as pessoas que se interessarem em ajudar podem fazer contato pelo perfil abaixo:

https://www.facebook.com/rosiele.rodrigues.984/posts/902680349758333?comment_id=903444143015287