Traficante é preso após 'ser obrigado' a guardar 464 buchas de maconha

Jovem, que tem o apelido de "Jajá", foi preso na região Norte de BH; ele afirmou para a polícia que já tinha antecedentes criminais por envolvimento com o tráfico de drogas

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Um jovem de 21 anos foi preso, na madrugada desta terça-feira (1º), suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas no bairro São Bernardo, na região Norte de Belo Horizonte. Ao ser questionado sobre a maconha encontrada em seu quarto, o homem disse que “foi obrigada”  guardar os entorpecentes.

Conforme o boletim de ocorrência da Polícia Militar, Jhonatan Ribeiro Duarte, conhecido pelo apelido de “Jajá” foi abordado durante uma operação no aglomerado São Tomás. Ele estava na rua Washington Luiz, via conhecida como boca de fumo. Durante buscas pessoais, militares do Batalhão Rotam encontraram com o homem apenas um celular e dinheiro.

Ao ser questionado se tinha antecedentes criminais, ele contou aos policiais que já havia sido preso por tráfico de drogas. A corporação deslocou até o imóvel que Duarte vivia, na mesma rua, e localizou no quarto do suspeito 464 buchas e duas barras de maconha, R$ 124 em dinheiro e material para embalar a droga.

Apesar de afirmar que foi obrigada a guarda os entorpecentes, Duarte não denunciou o suposto mandante. O jovem foi levado para a Central de Flagrantes I (Ceflan). 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave