Contrariando o PSB, Marcio Lacerda confirma apoio a Pimenta da Veiga

Prefeito de Belo Horizonte convocou entrevista coletiva para manifestar sua discordância com decisão do PSB mineiro de lançar a candidatura própria, de Tarcísio Delgado, ao governo de Minas

iG Minas Gerais | Lucas Pavanelli |

Marcio Lacerda anuncia apoio a Pimenta da Veiga
reprodução / Twitter
Marcio Lacerda anuncia apoio a Pimenta da Veiga

Contrariando a posição da executiva nacional de seu partido, o PSB, o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda, afirmou na tarde desta segunda-feira (30) que irá apoiar o candidato do PSDB ao governo do Estado, Pimenta da Veiga.

O prefeito convocou uma entrevista coletiva para manifestar sua discordância da decisão do Partido Socialista Brasileiro de lançar a candidatura de Tarcísio Delgado ao governo de Minas. Na opinião do prefeito Marcio Lacerda, seu partido deveria ter se unido à chapa do PSDB de Pimenta da Veiga.

Apesar de declarar apoio ao candidato tucano, Lacerda não esclareceu como se dará esse apoio: não disse, por exemplo, se ele vai subir em palaque junto com Pimenta.

Ele acrescentou que vai tentar convencer outras lideranças de seu partido, como Alexandre Kalil, presidente do Clube Atlético Mineiro, a não desistirem de se candidatar. Kalil tinha registrado sua candidatura para a vaga de deputado federal, mas acabou desistindo após a escolha de Tarcísio Delgado.

Entenda

No último dia 26 de junho, a comissão interna do PSB mineiro, montada a pedido da executiva nacional para definir o futuro da legenda, votou e aprovou o nome de Tarcísio Delgado ao governo do Estado por dez votos a sete. 

Nas semanas anteriores, o partido viveu uma divergência entre os que queriam a candidatura própria e a coligação com o PSDB, prevalecendo a vontade da executiva nacional do PSB, que é lançar um nome da legenda para concorrer ao governo do Estado e dar palanque ao presidenciável Eduardo Campos.

O presidente do PSB de Minas, Júlio Delgado, que era o favorito para assumir a condição de candidato ao governo, explicou que suas obrigações em Brasília o afastaram da missão, deixando a candidatura para seu pai.

Um dia após o PSB de Minas lançar Tarcísio Delgado como candidato ao governo do Estado, os postulantes às vagas de deputado estadual e federal da sigla divulgaram um manifesto pedindo mais discussão com a executiva nacional do partido para definir outro rumo na campanha. O grupo, que prevê dificuldades em formar bancadas fortes na Assembleia Legislativa e na Câmara dos Deputados, ainda deseja a coligação com o PSDB.

E, pela primeira vez desde a decisão do PSB mineiro em lançar Delgado, Marcio Lacerda decidiu vir a público reafirmar o apoio ao candidato tucano Pimenta da Veiga.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave