Exército israelense encontra corpos de estudantes desaparecidos

Segundo um oficial --que não quis se identificar-- disse ao "New York Times", os corpos foram encontrados queimados próximo a Hebron

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Militares israelenses confirmaram nesta segunda-feira (30) que encontraram os três corpos dos estudantes que desapareceram na Cisjordânia.

Segundo um oficial --que não quis se identificar-- disse ao "New York Times", os corpos foram encontrados queimados próximo a Hebron.

Um porta-voz do Exército confirmou que os corpos foram encontrados em um poço na vila de Halhul. No entanto, os estudantes teriam morrido baleados pouco depois de terem sido sequestrados. Eyal Yifrach, 19, Gilad Shaar, 16, e Naftali Fraenkel, 16, foram vistos pela última vez entrando em um carro no dia 12 de junho em Gush Etzion, na Cisjordânia.

O premiê de Israel, Benyamin Netanyahu, convocou um encontro de emergência do seu gabinete. Israel acusa o grupo radical Hamas pelo sequestro, o que foi negado pelo seu líder.

Segundo a Al Jazeera, mais de 400 palestinos foram presos desde que os três estudantes desapareceram.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave